Archive for junho \27\UTC 2009

>Concursos dos Tribunais de Justiça do Brasil tem 1.848 vagas e R$ 18 mil

Posted on junho 27, 2009. Filed under: Concurso do TJ de Goiás, Concurso do TJ de MG, Concurso do TJ de Santa Catarina, Concurso do TJ de SP, Concurso do TJ do Paraná, Concurso do TJ do Piauí, Concurso do TJ do Sergipe |

>


O blog Bom Dia Mato Grosso não está operando normalmente com publicação de matéria dos principais fatos de Mato Grosso, na política, economia, sociedade, esporte, et., mas em breve você terá todas essas informações aqui, enquanto isso estamos postando oportunidade de colocação no mercado de trabalho, principalmente por meio de concusos públicos como os dos Tribunais de Justiça dos Estados de Goiás, Minas Gerais, Paraná, Piauí, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe somam 1.848 oportunidades de níveis fundamental, médio e superior com remunerações entre R$ 1.170,24 a R$ 18 mil.

Confira a relação abaixo:


  • Tribunal de Justiça de Goiás

O Tribunal de Justiça de Goiás abriu concurso para 23 vagas de juiz substituto. O edital determina que o candidato tenha concluído o curso de direito há pelo menos três anos e comprove período mínimo de três anos de atividade jurídica. Vale destacar que 5% das vagas são reservadas para candidatos portadores de deficiência física. O salário inicial da carreira ainda não foi divulgado, mas gira em torno de R$ 18 mil.


Confira aqui mais informações.


  • Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Concurso visa ao preenchimento de duas oportunidades e formação de cadastro reserva na função de taquígrafo judiciário, que exige nível superior e oferece remuneração de R$ 2.571,55. A carga horária é de 30 horas semanais.


Confira aqui mais informações.


  • Tribunal de Justiça do Paraná

O Tribunal de Justiça do Estado do Paraná abre oferece 1.119 vagas efetivas e formação de cadastro reserva do 1º grau de jurisdição. As oportunidades são para analista judiciário (com especialidade na área judiciária, psicologia, contadoria e assistência social) e técnico judiciário. Os salários variam de R$ 1.422 para técnico e R$ 2.303,66 para analista.


Confira aqui mais informações.


  • Tribunal de Justiça do Paraná

Tribunal publicou a abertura, em dois editais, do concurso público que visa ao preenchimento de 56 vagas para os cargos de analista de sistemas (11) e técnico em computação (45). Do total de vagas, 5% está reservado para portadores de necessidades especiais e 10% para afrodescendentes. A remuneração é de R$ 5.192,96 para analista e de R$ 1.959,86 para técnico.


Confira aqui mais informações.

  • Tribunal de Justiça do Piauí

As inscrições serão recebidas até o dia 2 de julho para o concurso que visa preencher 250 oportunidades de auxiliar, técnico e analista judiciário, que envolvem todos os níveis escolares.

As vagas de auxiliar estão distribuídas entre as funções de bombeiro hidráulico, marceneiro e pedreiro, que exigem nível fundamental e oferecem salário de R$ 1.170,24. Os interessados nas oportunidades de técnico deverão optar por uma das seguintes áreas: administrativa, contabilidade, eletricidade, informática ou gráfica. Neste caso é exigido nível médio e a remuneração é de R$ 1.788,54. A carreira de analista é destinada a um dos seguintes cargos: analista judicial, analista de sistemas, arquiteto, arquivologista, auditor, contador, engenheiro civil, estatístico, psicólogo, escrivão judiciário e oficial de justiça avaliador. Para concorrer a uma dessas funções é preciso ter nível superior completo na área da vaga. Os salários são de R$ 3.464,57 para oficial de justiça avaliador e de R$ 2.864,57 para os demais cargos.


Confira aqui mais informações.



  • Tribunal de Justiça de Santa Catarina

O TJ/SC divulgou edital que abre 65 oportunidades de nível superior em diversos municípios para preenchimento através de concurso público. Do total de vagas, 42 são para analista jurídico e 23 estão destinadas à carreira de assistente social. Em ambos os casos, as remunerações são de R$ 3.522,68, além de auxílio-alimentação (R$ 600) e abono (R$ 100).


Confira aqui mais informações.


  • Tribunal de Justiça de São Paulo

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo divulgou concurso público para a Outorga de Delegações de Notas e de Registro do Estado de São Paulo – Delegações de Registro Civil das Pessoas Naturais. São 265 vagas para ingresso na atividade e 133 para remoção na capital e em várias cidades do interior do Estado. O candidato deverá ser bacharel em Direito ou possuir certidão do exercício, por dez anos, completados até a data de inscrição. Os profissionais de serviços notariais e de registro são remunerados, exclusivamente, por meio dos valores cobrados em razão do ofício, de acordo com legislação específica.


Confira aqui mais informações.

  • Tribunal de Justiça de São Paulo

Do total de vagas, quatro são para o cargo de enfermeiro, que oferece remuneração de R$ 4.832,17, para carga horária de 30h semanais; e duas são para médico (clínico geral e psiquiatra), função que conta com salário de R$ 5.172,26, para carga horária de 20h semanais. Ambos as carreiras exigem nível superior completo nas respectivas áreas.


Confira aqui mais informações.


  • Tribunal de Justiça do Sergipe

O concurso oferece 62 oportunidades e formação de cadastro reserva de analista e técnico judiciário. A carreira de analista judiciário apresenta vagas nas áreas de direito (12), contabilidade (3), serviço social (7), engenharia civil (2), arquitetura (1), psicologia (CR) e análise de sistemas (7). O salário inicial é de R$ 1.952,29. Para técnico judiciário há 30 postos para a área administrativa/judiciária e formação de cadastro reserva para a área de programação de sistemas. O candidato deve ter concluído o ensino médio para concorrer a uma dessas oportunidades para salário inicial de R$ 1.259,43.


Confira aqui mais informações sobre.

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Principais concursos públicos do Brasil

Posted on junho 23, 2009. Filed under: Concurso da Prefeitura de Guararema, Concurso do Banco Central, Concurso do Banrisul, Concurso do TJ de SP, Concurso em Brasília |

>

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Congresso internacional de citricultura acontecerá no Paraná

Posted on junho 12, 2009. Filed under: citricultura, IAPAR, Londrina |

>

Em 2016, o Paraná receberá o maior evento de citricultura do mundo. A proposta elaborada pelo IAPAR para que Londrina seja a sede do 13º Congresso Internacional de Citricultura foi aceita pela Sociedade Internacional de Citricultura. O pesquisador do instituto Eduardo Fermino Carlos acreditou no potencial citrícola paranaense e, em conjunto com ministérios, secretarias estaduais, instituições de ensino e pesquisa paranaenses e de outros estados, cooperativas e empresas privadas, o país concorreu com a Argentina e ganhou.

De acordo com ele, o evento atrai quase duas mil pessoas e a seleção da cidade que será sede do congresso é bastante disputada, acontecendo nos moldes de uma copa do mundo de futebol. O projeto foi enviado para análise do comitê internacional do congresso e contempla as qualidades técnicas, científicas e turísticas da cidade que pleiteia o encontro.


Assim como em um dos maiores eventos esportivos mundiais, o congresso é realizado a cada quatro anos. Em 2008, quem recebeu a 11ª edição foi a China. O próximo será em Valência (Espanha). O pesquisador do IAPAR conta que importantes momentos do evento estão programados para acontecer em várias cidades do Brasil. O roteiro do Paraná contempla, além de Londrina, Curitiba e Foz do Iguaçu.


“O estado possui regiões em que a citricultura tem um grande destaque entre os produtos agrícolas. O clima e o solo favorecem a cultura aqui no norte, no noroeste e no leste, além da agroindústria bastante desenvolvida com participação de cooperativas e empresas privadas. A política do governo do estado em citros também auxilia produtores, como no aporte recebido pelas pesquisas e tecnologias do IAPAR na área”, diz Carlos.


O Paraná tem quase 30 mil hectares dedicados à citricultura. No ranking brasileiro representa o quinto na produção de citros. “O potencial de crescimento da cultura no estado é total, incentivos do governo estadual no desenvolvimento de novas tecnologias e a gestão do agronegócio citrícola demonstram isso. Tanto que receber esse congresso aqui é uma honra e um ótima oportunidade para a troca de informações com especialistas internacionais da área”, completa o pesquisador.

Confira o projeto original: http://www.londrinaconvention.com.br/citruscongress/

IAPAR – Assessoria de Imprensa

Jornalista Juliane Martins

Telefone: 43 3376 2146

Fonte: IAPAR – PR
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Concusos públicos: Os melhores concursos do Brasil

Posted on junho 12, 2009. Filed under: # Concurso em Cariacica ES, Concurso da Anac, Concurso da UFRA-PA, Concurso do Banrisul, Concurso do TJ de SP, Concusos públicos |

>

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Mato Grosso da início a construção da estrutura para Copa do Pantanal 2014

Posted on junho 2, 2009. Filed under: Copa do Mundo de Futebol em 2014, Copa do Pantanal 2014, estádio José Fragelli, o Verdão, Turismo |

>

O governo de Mato Grosso já tem uma lista de 26 projetos de obras que devem ser construídas na preparação da estrutura para receber parte dos jogos da Copa do Mundo de Futebol em 2014. A prioridade número 1 é o estádio José Fragelli, o Verdão, que será demolido para dar espaço a uma estrutura maior e mais moderna. Segundo o secretário-chefe da Casa Civil, Eumar Novacki, nos próximos dias serão discutidas as demais prioridades para dar início ao processo. O governador Blairo Maggi (PR) disse ontem em entrevista coletiva no Palácio Paiaguás, que o ano de 2010 não pode começar sem obras para Copa.

Novo complexo esportivo será erguido para múltiplo uso para não se tornar um elefante branco; governador disse em entrevista que 2010 não começa sem obras para a Copa do Mundo

Para a construção do novo estádio estima-se um investimento de R$ 350 milhões. Por enquanto, o governo tem R$ 100 milhões em um fundo criado especificamente para as obras da Copa. A previsão, conforme o secretário de Estado de Esportes, Baiano Filho, é atingir R$ 400 milhões até 2014.

O governador Blairo Maggi frisou que não será feita parceria com a iniciativa privada para a obra do Verdão porque o Estado não tem um futebol à altura. As parcerias serão feitas para as obras no entorno do estádio, ou o governo poderá até colocar espaços a venda para construção de shopping e comércios diversos.

Maggi também admitiu que a prestação de serviços e atendimento ao turista terá que melhorar muito. “O Brasil como um todo tem um serviço ruim nessa área, não atende bem o turista. Apesar de ser um povo acolhedor, é descompromissado”. De acordo com o governador, a qualificação será necessária, mas não é só o governo que tem que preparar, a população também precisa participar.

O governador observou que vai ser necessária uma estrutura muito grande para receber a Copa em Cuiabá, com obras em várias áreas específicas como saúde e segurança pública, por exemplo. “Na segurança precisamos de um planejamento que vai ser igual em todas as 12 cidades onde vai haver jogos do Mundial, inclusive com policiais que falem inglês ou espanhol, e nós temos alguns oficiais preparados. Nas saúde vamos precisar de um hospital grande. Já há previsão de disponibilização de recursos do governo federal para isso, temos que acelerar esses processos.

Compromisso – Blairo Maggi destacou, no entanto, que apesar da preparação para a Copa do Mundo 2014 ser uma das prioridades, o Estado não está focado somente nisso, porque os compromissos assumidos com a população em relação ao governo de forma geral continuam os mesmos. Mesmo assim, o governador pontuou que nem tudo serão flores. Em determinado momento algum sacrifício terá que ser feito para garantir que Cuiabá faça um bonito papel na Copa 2014. Isso quer dizer que o governo pode ser obrigado a deixar de fazer algum investimento previsto para alocar recursos para obras da Copa.

Recursos – Mato Grosso tem R$ 650 milhões em projetos no Ministério das Cidades, aguardando aprovação. “Vamos ver o que o governo federal vai oferecer”, disse o governador. Além disso, segundo Maggi, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) já anunciou que fará um Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) de obras da Copa, para auxiliar as cidades-sede.

Conselho – A intenção do governador é criar um grande conselho para a área executiva das obras da Copa com espaço para todos, independentemente de partido, além da sociedade civil organizada. Maggi quer que o nome a encabeçar esse conselho seja de alguém que terá mandato definido para cinco anos e que não tenha pretensões políticas. O objetivo é evitar descontinuidade no processo com uma eventual saída do chefe do conselho para se candidatar nas eleições de 2010 ou 2012. Para o governador, a vinda dos jogos da Copa do Mundo 2014 para Cuiabá é uma oportunidade única, que pode impulsionar muito o Estado e deve ser tida como mais importante que qualquer projeto pessoal. Conforme ele, é o caso até de abrir mão desses projetos se for necessário.

Prazo – O secretário de Estado de Turismo, Yuri Bastos, frisou que o maior desafio começa agora. Mato Grosso tem 3,5 anos para cumprir tudo que prometeu à Federação Internacional de Futebol (Fifa), ou seja, garantir a estrutura adequada para receber o público da Copa (atletas, turistas e imprensa de todo mundo). O governador Blairo Maggi garantiu ainda que tem a preocupação de não fazer um “elefante branco” que sirva somente para a Copa e depois fique inutilizado. Conforme ele, o estádio que será construído em substituição ao Verdão será de múltiplo uso, com academias, shopping e tudo mais que puder ser feito no entorno para que a estrutura seja útil sempre.

Fonte: A Gazeta

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...