aeroporto

>Aeroporto e a Copa

Posted on setembro 10, 2010. Filed under: aeroporto, Agecopa, Copa 2014, Fifa, Infraero |

>Revista semanal trouxe uma entrevista com o todo poderoso secretário executivo da Fifa, o francês Jerôme Valcke. Ele é o cara que gruda no pé de quem estiver pela frente sobre as obras para uma Copa do Mundo.

Na entrevista, ele fala que o Brasil não pode perder um dia sequer na sua programação para a Copa de 2014. Fala ainda que o maior problema do Brasil está nos aeroportos. Num trecho da entrevista diz que “se avaliarmos que algumas dessas cidades-sede não estão conseguindo se preparar a contento, infelizmente elas terão de ser cortadas”.

Os fatos indicam que a Agecopa tem, até agora, feito seu dever de casa. O caso do aeroporto é do governo federal, da Infraero. Aí é que está a preocupação. Tem algo no ar preocupando todo mundo.

Publiquei nesta coluna, em janeiro deste ano, artigo reclamando do aeroporto que serve Cuiabá. Falava que estava uma porcaria o atendimento a quem chegava nos vôos. Mostrava ainda números de passageiros, cargas e serviço postal do aeroporto em comparação com outros do país. Os dados levantados colocavam o aeroporto regional numa posição que deveria merecer mais atenção da Infraero.

A Infraero respondeu ao artigo, que também foi publicado em janeiro, em que ela dizia que estava praticamente tudo resolvido.

Em sua resposta, a Infraero escreveu ainda que o projeto “para o novo aeroporto estava pronto para atender a demanda atual e a Copa de 2014” e que o processo “licitatório estava em andamento”.

Escreveu também que seriam ampliadas todas as áreas do terminal e que se teriam seis pontes de embarques e desembarques. Que o estacionamento seria ampliado, também o pátio de aeronaves e as vias de acesso ao aeroporto. Dizia, por fim, que “a previsão de término das obras é dezembro de 2012”.

Agora se fica sabendo que não se tem ainda licitação da obra. Que as intervenções físicas serão menores do que se falava e que não estariam previstas obras nas vias de acesso. Estavam previstas antes, segundo o comunicado anterior da Infraero.

Será que parte do dinheiro destinado ao nosso aeroporto vai nutrir outros lugares que tem pressão política e eleitoral mais forte? O que de fato está acontecendo? Da parte do estado parece que tudo corre dentro do programado. Brasília e a Infraero é que se colocam de forma dúbia.

Época de eleição é momento de pressão, gente. Se não forem confirmados agora alguns comprometimentos, deveríamos olhar com mais cuidado a ameaça do francês secretário executivo da Fifa.

ALFREDO DA MOTA MENEZES é professor universitário e articulista político.
pox@terra.com.br – site: http://www.alfredomenezes.com

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Fifa visita Cuiabá e recebe garantia que prazos serão cumpridos para Copa 2014

Posted on maio 14, 2010. Filed under: aeroporto, COL, Copa 2014, Copa das Confederações, Copa do Pantanal, Fifa, Infraero, Mobilidade Urbana |

>

A sede da Copa do Pantanal está cumprindo rigorosamente todos os compromissos e prazos estabelecidos pela FIFA para a realização da Copa 2014. A garantia foi dada esta manhã pelos diretores e técnicos da Agecopa aos arquitetos do Comitê Organizador Local (COL), órgão que fiscaliza em nome da FIFA os trabalhos desenvolvidos pelas doze sedes brasileiras.
Equipe da Fifa em visita a obra do Verdão em Cuiabá

As obras de construção da Arena Multiuso – Novo Verdão começaram no dia 26 de abril, oito dias antes do prazo final (3 de maio) e prosseguem em ritmo acelerado. A demolição do antigo estádio deve ser concluída em um mês, segundo estimativa do consórcio Santa Bárbara /Mendes Júnior. Paralelamente à principal obra física para a Copa 2014, estão sendo projetados os dois Centros de Treinamento, o Fan Park (espaço adequado para grandes públicos assistirem aos jogos) e a ampliação do aeroporto Marechal Rondon, a cargo do governo federal por meio da Infraero.
A Agecopa também já finalizou os projetos das principais intervenções no sistema viário por intermédio do Plano de Mobilidade Urbana. Os projetos que incluem a construção de viadutos, trincheiras, duplicação ou alargamento de pistas, pontes e os dois corredores exclusivos para ônibus, BRTs (Bus Rapid Transit) vão garantir mais qualidade no transporte coletivo e individual, facilitando o deslocamento da população e visitantes durante e depois da Copa.
Parte destas obras devem ficar a cargo do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, órgão do Ministério dos Transportes, já que estão localizadas nas rodovias federais BR-163, 364 e 070, nos trechos em que elas cortam o perímetro urbano sobrepondo-se às avenidas Fernando Corrêa, Miguel Sutil e FEB, respectivamente.
Vistoria: A equipe do Departamento de Estádios do Comitê Organizador Local (COL) da Copa 2014 visitou esta manhã o canteiro de obras da nova Arena. Os arquitetos Carlos De La Corte e Tiago Pelakauskas e o engenheiro Fábio Carvalho vistoriaram a obra e checaram o cumprimento do cronograma dos trabalhos que devem estar concluídos em dezembro de 2012, a tempo de Cuiabá se candidatar a sede da Copa das Confederações em 2013. A vistoria técnica dos estádios brasileiros começou no dia 5 de maio em São Paulo e será concluída no dia 20 de maio, em Salvador.
Carlos de La Corte defendeu tese de doutorado sobre os estádios brasileiros, comparando-os com estádios europeus desde a década de 80 até o ano 2000. Ainda recém-formado se filiou à Iaks (The International Association for Sports and Leisure Facilities), a principal organização internacional dedicada a instalações esportivas e recreativas. O arquiteto é hoje o principal avaliador de estádios a serviço da FIFA, que receberá relatórios detalhados sobre a situação das obras em cada cidade-sede. (Assessoria).
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...