Cotação da Soja

>Dicas e cotações do Agronegócio

Posted on março 18, 2009. Filed under: Acrimat, BNDES, Cotação da Soja, Cotação do Boi Gordo, Cotação do Milho, Frigorífico Margem, Frigorífico Quatro Marcos, frigoríficos Arantes, Gazeta Mercantil |

>

• Informações – A Gazeta Mercantil publicou na edição de ontem uma informação que ainda não é oficial, mas a estimativa é de que os frigoríficos que entraram em recuperação judicial do final do ano passado para cá, deixaram de pagar pelo menos 430 milhões de reais aos pecuaristas fornecedores de animais para abate.

• Esse cálculo considera somente os débitos pendentes nos estados de Goiás e Mato Grosso do Sul, onde os frigoríficos Arantes, com sede na cidade de São José do Rio Preto – no interior de SP, o Frigorífico Independência, fundado há 30 anos em Santana do Parnaíba – no interior de SP, com 11 plantas em todo o Brasil e Frigoestrela com sede em Americana – por coincidência, também no interior de SP e os três frigoríficos tinham atuação mais forte em GO e MS.

• Aqui em Mato Grosso, estima-se que somente o frigorífico Arantes tenha um débito pendente de 70 a 80 milhões de reais com a compra de gado. O total desse rombo atinge um valor próximo de 500 milhões de reais e pode ser maior se forem contabilizadas as dívidas do Independência – que abatia bois em cinco plantas aqui em MT, além do Frigorífico Margem e do Frigorífico Quatro Marcos, todos em recuperação judicial. E tem frigorífico que ainda não declarou ou detalhou seu endividamento à Justiça.

• A Assessoria de Imprensa da Acrimat, divulgou em seu release distribuído ontem, que Mario Candia, Presidente da ACRIMAT – Associação dos Criadores de MT, recebeu com muito otimismo a notícia de que o governo federal prepara um pacote, denominado “operação de salvamento”, para socorrer os frigoríficos e evitar problemas em toda a cadeia produtiva.

• O presidente da Acrimat comentou ainda, que desde o inicio da crise na cadeia no final de 2008, que aconteceu em função do fechamento dos frigoríficos em todo país, a Acrimat vem solicitando a intervenção do governo federal para liberar recursos e ajudar os frigoríficos, como foi feito com outros setores econômicos e disse ainda que os frigoríficos não tem condições de sair dessa dificuldade financeira, de falta de crédito, sem a ajuda do governo.

• Para Luciano Vacari, superintendente da Acrimat essa medida do governo federal vem em boa hora e vai dar fôlego aos frigoríficos em curto prazo principalmente no que se refere ao capital de giro. Mas segundo Vacari, tudo isso precisa ser muito bem conversado, para que o problema não volte a acontecer. Vacari diz ainda, que a sugestão da Acrimat é que uma porcentagem dos recursos liberados pelo BNDES seja vinculada a garantia de compra de animais.

• A medida provisória que foi aprovada pelo Senado, na semana passada, garante o capital de giro através de recursos do BNDES e Banco do Brasil. São 1 bilhão e 200 milhões de reais para atender uma parcela dos frigoríficos que estão passando por dificuldades em suas operações internas e de exportação. O governo federal irá liberar recursos também por meio dos EGF – Empréstimos do Governo Federal e das LEC – Linhas Especiais de Crédito no valor de até 20 milhões de reais por empresa, para ampliar a liquidez dos frigoríficos.

• Segundo o que foi noticiado pela Gazeta Mercantil, o advogado do Frigorífico Quatro Marcos, Aibes Alberto da Silva, disse que o débito com compra de boi da empresa é de cerca de 20 milhões de reais, valor dos débitos em Mato Grosso, Goiás, Rondônia, Mato Grosso do Sul, Paraná e Pará. O Frigorífico Quatro Marcos, que pediu a recuperação judicial em outubro, só teve o pedido aceito pela Justiça em fevereiro e segundo seu advogado, deverá apresentar sua proposta aos credores, em abril, o que para os pecuaristas que tem dinheiro a receber pode ser uma boa notícia.

• Agora, vejam só, o frigorífico pediu sua recuperação judicial em outubro, nós estamos em março, o frigorífico vai apresentar sua proposta aos credores em abril, portanto, terão passado 6 meses e se tudo correr bem o pecuarista irá receber em maio ou junho ou muito, muito mais tempo adiante. Será muito difícil se manter no negócio da pecuária, recebendo o boi que foi abatido em outubro, 6, 7 ou até 8 meses depois. Sem contar ainda a população de desempregados que se criou em todo estado.

• Sendo assim, cabe agora aos criadores, procurar sua associação ou os sindicatos rurais para aproveitarem o momento certo e dar entrada através dos advogados nas ações cabíveis para o recebimento do seu dinheiro.

• Mas eu ainda tenho aqui uma pergunta. Porque presidente Mario Candia da Acrimat, superintendente Luciano Vacari, porque a associação não se estabelece e assume esses frigoríficos que estão fechados?
Vencimento Fechamento em US$Bushel Equivalência em US$
futuro Equivalência em Saca

Março 9,11 20,09
Maio 9,07 20,01
Julho 8,91 19,66

• Algodão- Rondonópolis @ R$ 34,70 • Sapezal @ R$ 33,90
• Boi gordo – Cuiabá @ R$ 67.00 • Barra do Garças @ R$ 63.00
• Milho – Campo Verde R$ 13,60 • Lucas do Rio Verde Saca R$ 13,00
• Soja Rondonópolis – Saca R$38,30 • Sorriso Saca R$ 34.50

Fonte: Olhar Direto

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...