desfecho

>Me vinguei do Papai Noel!

Posted on dezembro 24, 2009. Filed under: desfecho, Natal, Papai Noel |

>

Quando em criança fui “orientado” por meus pais de uma forma digamos realista, realista até demais, mas mesmo sabendo da inexistência do bom velhinho eu queria ganhar também como a minha prima Zaide um presente do Papai Noel, todo Natal eu fazia direitinho: Escrevia a carta, pedia o presente, colocava dentro do meu sapato da escola mas… de manhã nada do presente, “tava” lá o sapato sem nada dentro. Minha prima Zaide acho que nem dormia, pois às sete da manhã já vinha me mostrar o presente dela, o presente que o “Papai Noel trouxe”, mas o meu nada… mesmo eu sabendo da verdade e proibido de falar pra Zaide eu também queria ser “iludido” por essa estória de Papai Noel. A minha vontade de ganhar o presente, o meu presente de Natal do simpático velhinho era tanta que eu ficava (uma dúvida normal de qualquer criança) confuso sobre o que fui “orientado/informado” (e) ou se na verdade esse Papai Noel existia mesmo?(!) Minha prima Zaide me deixava doidinho com esse papo de Papai Noel!

Em um desses natais tive uma idéia, não falei pra minha prima Zaide pois a mesma “falava demais”, tínhamos a mesma idade e vivíamos “colados” um no outro, nada poderia “vazar”.

Coloquei minha ideia em prática da seguinte forma:

Na casa dos meus tios (pais da Zaide) todo ano tinha a famosa “lapinha” (presépio) onde estava lá toda “galera”: os reis magos, o jumento, o pai de Jesus, (José) a mãe (Maria) Nossa Senhora e Jesus deitadinho na manjedoura. O que fiz: Em um momento de distração da minha tia Zezé (Mãe da Zaide) catei a imagem de Nossa Senhora, coloquei no bolso e corri pra minha casa que ficava ao lado, como se diz na Viçosa, “parede e meia” com a casa dos meus tios José Tenório e madrinha Zezé. Fui para o meu quarto com a Nossa Senhora “sequestrada” por mim e preparei a carta para o Papai Noel com o seguinte texto:

– Oi, Papai Noel,

– Aqui é o Renan lembra de mim?

– Pois é, todo ano eu te peço um presente e você nunca traz, nem sequer me dá uma explicação por qual motivo minha prima Zaide ganha todo ano o dela e eu não ganho o meu!

– Esse ano resolvi “apelar” mesmo sabendo que estou agindo errado, mas foi a única maneira que encontrei pra dá uma “prensa” em você Papai Noel e ganhar o meu presente de Natal.

– É o seguinte: Eu estou aqui com a mãe de Jesus, “sequestrei” ela da lapinha da minha madrinha Zezé, então você Papai Noel fale com o filho dela (Jesus), pois sei que em todos os natais vocês dois são parceiros/amigos e diga pra Ele que se Ele não te der uma força pra que você esse ano traga o meu presente, eu não devolvo a mãe Dele!

O desfecho dessa estória quem quiser saber é só perguntar pra minha prima Zaide…

Autor: Renan Torres é cantor, compositor e poeta; é de Alagoas e está passando as férias em Cuiabá

Fonte: A Gazeta

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...