executivo

>Eleição 2010: Em pré-campanha, o senador de MT, Jayme Campos já usa jato que custa 3 milhões de dólares

Posted on dezembro 21, 2009. Filed under: executivo, Senador, Várzea Grande, Very Light |

>

O senador e pecuarista Jayme Campos não é fraco. Pré-candidato a governador pelo DEM, ele acaba de adquirir um avião jato executivo Very Light, o Phenom 100, que custa cerca de US$ 3 milhões. A intenção do parlamentar é queimar “gasolina azul” em pré-campanha Mato Grosso afora. Como seu mandato no Congresso Nacional se estende até 2014, Jayme, que já foi prefeito de Várzea Grande por três mandatos e governador (91/94), nada tem a perder. Se vier a ser derrotado ao Palácio Paiaguás, continuará senador até 2014. Ele nem precisa de licenciar para disputar a sucessão do governador Blairo Maggi.
O senador Jayme Campos, com seu ex-secretário de Fazenda Juarez Pizza atrás

Lançado em 2005 em Orlando (EUA), o Phenom 100 da Embraer comprado por Jayme pode transportar até 8 ocupantes. Com quatro pessoas a bordo, o avião é projetado para decolar em distâncias curtas e é capaz de voar a 41 mil pés (12,5 mil metros) de altitude. Antes, Jayme utilizava um Xingu e um jato executivo inglês Hawk. O senador integra um safra de políticos-empresários com elevado patrimônio financeiro. Possui, por exemplo, diversas fazendas, imóveis urbanos e empresas, entre elas frigoríficos. Seu salário como senador, de R$ 15 mil mensais, pouco representa diante da fatia que movimenta anualmente com atividades na vida privada.

Vários outros políticos mato-grossenses possuem aviões, sob argumentos de que precisam estar presentes nas mais longínquas regiões e de olho no reforço de suas bases visando o pleito de 2010. O governador Blairo Maggi, acionista do Grupo Amaggi que detém um conglomerado de empresas, tem três aviões. O deputado estadual e também empresário Otaviano Pivetta é outra que se desloca para os municípios utilizando sua própria aeronave.

O deputado federal de quinto mandato e pecuarista Wellington Fagundes é proprietário de um Sêneca, de cor branca e verde. Custa cerca de R$ 300 mil. Ele utiliza o bimotor para as viagens ao interior tanto para “fazer política” quanto nos negócios. Ele comanda empresas de comunicação em Barra do Garças, Jaciara, Tangará da Serra e Rondonópolis, onde reside. Sua família é dona de hotéis, chácaras e outras empresas. Há cerca de três anos, o ex-deputado estadual e hoje federal Eliene Lima (PP) pagou cerca de R$ 200 mil numa aeronave monomotor. O presidente da Assembleia, deputado José Riva (PP), possui um jato turbo-hélice chain.

O vice-governador Silval Barbosa também usufrui de uma aeronave bimotor, assim como o deputado federal Pedro Henry (PP) e o deputado estadual e empresário Adalto de Freitas, o Daltinho (PMDB). Alguns políticos omitem possuir aviões, enquanto outros declaram a propriedade, mas com valores completamente fora de mercado. (Romilson Dourado)

Fonte: RDNews

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...