Fórum

>Meio Ambiente: Governado Blairo Maggi explica em Copenhague ações de MT na redução do desmatamento

Posted on dezembro 15, 2009. Filed under: Amazônia legal, Carlos Minc, ciência, Copenhague, destamatamento, Dinamarca, Fórum, Meio Ambiente, Tecnologia |

>

Na Dinamarca, Blairo Maggi pede a participação da sociedade
para defender a floresta brasileira

O governador Blairo Maggi (PR), que está em Copenhague, Dinamarca, participou de uma reunião do Fórum dos Governadores da Amazônia Legal nesta segunda (14) e defendeu que há maior conscientização de todos os atores sociais, empresariais e públicos envolvidos na conservação e proteção ambiental da Amazônia. Segundo ele, essa nova mentalidade resultou na redução do desmatamento nos últimos anos. “Mato Grosso teve mudanças muito grandes em termos de redução de desmatamento entre 2003 e 2009”, comentou Maggi a uma plateia de jornalistas, empresários, ambientalistas, professores universitários e governos subnacionais de todo o mundo. “E grande parte do desmatamento se deve ao fato de que as pessoas têm entendimento sobre o valor da floresta em pé”.

Maggi afirmou também que é necessária a participação da sociedade de uma forma geral.
“O mundo mudou e é hora de todas as pessoas se engajarem nessa mudança para que tenhamos uma nova realidade, um mundo melhor para nossos filhos, nossos netos e gerações futuras”, disse o governador a interlocutores no Bella Center, palco central dos debates e proposições em Copenhague. A redução do destamatamento em Mato Grosso no ciclo 2003/2004 registrou 11.814 Km² para cerca de 1.047 Km² entre 1º agosto 2008 a 31 julho de 2009, de acordo com dados oficiais calculados pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), vinculado ao Ministério da Ciência e Tecnologia. Maggi informou ainda que 62% da redução do desmatamento da Amazônia brasileira desde 2005 é atribuída ao estado de Mato Grosso.

O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, que já protagonizou duras discussões com Maggi e hoje tem o republicano como “queridinho” dos ambientalistas, também participou da reunião dos governadores e realçou aos presentes a importância da união em defesa da floresta brasileira. “Hoje existe diálogo aberto, maduro em função da união dos governadores da Amazônia e do governo do presidente Lula”, avaliou Minc.

Acompanham o governador em Copenhague os secretários de Estado Luiz Henrique Daldegan (Meio Ambiente), Eumar Novacki (Casa Civil e Comunicação Social), Alexander Maia (Casa Militar), Terezinha Maggi (Trabalho, Emprego, Cidadania e Assistência Social), professora Flávia Nogueira (Extraordinária de Apoio a Políticas Educacionais) e o adjunto de Marketing do Governo, Júlio Valmórbida.

Fonte: RDNews

SHOPPING SUBMARINO

Ar Condicionado Split 18000 Btus Frio BBF18 220V Brastemp

Confira essa super promoção – click aqui


Frete Grátis


Ar Condicionado Split 18.000 Btus Frio BBF18 220V Brastemp

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Vereador cassado Ralf Leite é preso por bater na namorada

Posted on outubro 24, 2009. Filed under: Fórum, vereador, Violência Doméstica |

>

Ralf Leite se apresentou na Polinter mas por duas vezes depois de ser detido na saída do Fórum

O vereador cassado Ralf Leite (PRTB) está preso desde o início da noite de ontem no Anexo 1 do Presídio Pascoal Ramos, a Polinter. Ele teve a prisão preventiva decretada pela juíza Adriana Sant”ana Conignan, da 2ª Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar da Capital, por lesão corporal grave cometida contra à ex-namorada, Cristina Biezus Gentil.


Ralf foi preso por três agentes do setor de inteligência da Polícia Civil quando saía de uma sala de audiência no Fórum de Cuiabá, onde passou a tarde inteira acompanhando depoimentos de testemunhas do processo que responde por compra de votos na campanha passada. O mandado de prisão foi cumprido por volta das 19h no momento em que o vereador cassado por falta de decoro deixava o local acompanhado pelo irmão Edson Leite Júnior, dois advogados e vários assessores.


Ralf foi encaminhado à Polinter logo após a prisão. Por volta das 19h30, seguiu para o Instituto Médico Legal (IML) para fazer exames de rotina, assim como ocorre com todo preso. Só então retornou para o local onde passou a noite mesmo sem ter curso superior completo. Ao jornal A Gazeta, Ralf criticou a prisão no mesmo momento em que era conduzido por agentes da Polícia Civil.


“Moro há mais de dois anos na mesma residência. Não havia necessidade dessa prisão. Além do mais, por que prender no Fórum se ainda nem fui ouvido em juízo?”, ponderou Ralf, se referindo ao processo que responde por lesão corporal grave, ameaça e contravenção penal de vias de fato supostamente cometidas contra Cristina Biezus.


Por ter sido preventivamente, não há prazo para Ralf deixar a Polinter. A advogada Débora Simone Rocha, que acompanhava o ex-parlamentar na ocasião, disse que desconhecia o motivo da prisão e ainda vai analisar o processo para saber que tipo de recurso deve ser impetrado na tentativa de livrar da cadeia o ex-vereador. Conhecido pelo estilo polêmico, Ralf foi cassado pela Câmara em 6 de agosto depois de ter sido preso em supostos atos libidinosos com um travesti menor de idade. O episódio ocorreu em 6 de fevereiro.


Ao tomar conhecimento do mandado de prisão que foi comunicado à Polícia Civil anteontem, os familiares de Ralf Leite se demonstraram no Fórum revoltados com a medida. Fonte: A Gazeta

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...