Fuxo de passageiro

>Fuxo de passageiro no Aeroporto de Cuiabá tem aumento de 23,5%

Posted on fevereiro 20, 2010. Filed under: Aeroporto de Cuiabá, aeroporto Marechal Rondon, Anac, Fuxo de passageiro, Sedtur, Turismo de Mato Grosso |

>

Percentual de incremento corresponde à diferença na quantidade de viajantes registrada no período entre 2002 e 2009, em Mato Grosso

Voos domésticos abocanham quase a totalidade do movimento observado em Mato Grosso, ficando com 99%


O aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, registrou recorde no fluxo de passageiros nos últimos 8 anos, saltando de 747,824 mil viajantes em 2002, para 1,671 milhão no ano passado, alta expressiva de 123,54%. O número inclui embarques e desembarques de vôos nacionais e internacionais. O desempenho do Estado acompanha a performance ascendente registrada no país, nos últimos anos, porém com crescimento acima da média nacional.

Entre dezembro de 2008 e dezembro de 2009, os embarques e desembarques registraram 18% de incremento no Estado, enquanto que a média no Brasil, no mesmo período, foi de 14,6%. De acordo com avaliação feita pelo Ministério do Turismo são os melhores resultados da série histórica. Para a secretária de Desenvolvimento do Turismo do Estado, Sedtur, Vanice Marques, os números apontam Cuiabá como importante destino indutor do turismo de Mato Grosso, que vem ganhando mais força para se consolidar também como polo de turismo de eventos e negócios do Brasil.


Por conta disso, a Fundação Getúlio Vargas foi contratada para a elaboração do Plano Diretor de Turismo de Mato Grosso. “Organizar o setor para que possa se fortalecer gera ganhos sociais a uma cadeia imensa, pois são trabalhadores mais qualificados que atendem melhor quem aqui chega e traz resultados positivos para todos os segmentos”, explica a secretária de Turismo.


De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) o aumento de passageiros nos aeroportos foi favorecido, em todo país, por conta do preço das passagens aéreas que, em 2009 foi a mais barata dos últimos 8 anos. O estudo divulgado nesta sexta-feira (19) aponta


que a média paga por passageiro foi de R$ 0,48 por quilômetro voado. Segundo a Anac, esse valor é 27,6% mais baixo do que o registrado em 2008, que foi de R$ 0,66 por quilômetro voado, e de 39,2% em relação a 2003, o mais alto do período (R$ 0,78).


A Anac informa que o preço médio da tarifa nos vôos domésticos foi de R$ 321,28 no ano passado. Quando atualizado, esse valor é também o menor desde 2002. Em dezembro, quando a tarifa média foi de R$ 300,59, o aumento da concorrência fez com que o preço por quilômetro voado fosse de R$ 0,44, valor abaixo do registrado em novembro (R$ 0,49).


A queda de preços foi acompanhada por um aumento de 17,7% na demanda por vôos domésticos em todo país. Em Mato Grosso, eles representaram em 2009, 99% da demanda. Os passageiros que procuraram os vôos internacionais somaram apenas 960 viajantes. Para a gerente da Águia Turismo, Sheila Fortunato, a procura por passagens aéreas aumentou 30% no ano passado em relação a 2008. Segundo ela, a concorrência entre as companhias aéreas ajudou a fazer com que os preços fossem mais competitivos. “Com a entrada de pequenas companhias, essa situação melhorou”.


A queda nos valores, segundo a Anac, chegou a cerca de 28%. Há 2 anos, as duas maiores companhias brasileiras já chegaram a ter mais de 90% do mercado de vôos domésticos. Atualmente, elas têm 84%, já que as empresas de menor porte estão ampliando sua participação, segundo dados da Anac. Fonte: A Gazeta

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...