haras

>Ex-mulher Mariane, acusa governador Arruda de corrupção e teme suicídio dele

Posted on dezembro 5, 2009. Filed under: cavalo puro-sangue, governaor do DF, haras, IstoÉ, José Roberto Arruda |

><!– function paginaSlideShow217239(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

A atriz Mariane Vicentini, ex-mulher do governaor do DF, José Roberto Arruda, concedeu uma entrevista a Mino Pedrosa, da revista IstoÉ, que é pura nitroglicerina. Ela o acusa de usar dinheiro da corrupção para acumular patrimônio e ironiza o súbito interesse dele por cavalos: “ele comprou um haras e deu ao nosso filho um cavalo puro-sangue”.

Foto

MARIANE AGORA É ALIADA DE JOAQUIM RORIZ, INIMIGO DE ARRUDA.

Revelou que o acordo de sua separação rendeu a ela R$ 15 milhões e a casa onde moravam, avaliada em R$ 2,8 milhões, foi registrada em seu nome após uma operação triangular. “Ele se aliou a pessoas que são sujas e perigosas, e há muito mais para ser investigado”, acusou. Mariane contou que, na campanha de 2006, quando ela se ausentava, assessores como Durval Barbosa e Fábio Simão apresentavam mulheres a Arruda e gravavam tudo, para chantageá-lo depois. “Até o carro usado por Arruda na campanha foi todo grampeado pelo Simão”, diz ela. Apesar da mágoa e de sua ligação a Joaquim Roriz, adversário de Arruda, ela teme pelo ex-marido: “Ele pode até se suicidar. Não duvido disso. Na crise do painel do Senado, esteve próximo do suicídio. Seu comportamento é variável: ora eufórico, ora depressivo. Toma remédios controlados e pode acontecer uma tragédia”.


Perfil do delatorIsto É – que circula neste sábado – também publica reportagem sobre Durval Barbosa, ex-secretário de Relações Institucionais do governo Arruda que fez acordo de delação premiada com a Polícia Federal. O perfil, assinado por Hugo Marques e Mino Pedrosa, define Barbosa como como sujeito ousado, de sangue-frio, com relações próximas a doleiros de Brasília. Fonte: http://www.claudiohumberto.com.br

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...