Hotel Odara

>Hotel Odara já está sendo administrado por uma rede internacional, a Golden Tulip

Posted on agosto 10, 2010. Filed under: Golden Tulip, hotéis, Hotel, hotel em Cuiabá, Hotel Odara |

>

Bandeira Golden Tulip está literalmente integrada à fachada do hotel Odara, na Av. Fernando Corrêa



O Hotel Odara já está sendo administrado sob uma marca internacional, a Golden Tulip, desde o último dia 2. O Brazil Hospitality Group (BHG), terceiro maior grupo hoteleiro do país e único licenciado na América Latina para usar a bandeira de origem holandesa, a Golden Tulip comprou o hotel que funciona na Avenida Fernando Corrêa da Costa, até então pertencente ao empresário Renato de Paiva Pereira, que está construindo outro hotel em Cuiabá. O valor da transação não foi revelado.
O BHG, marca oficializada para consolidar a fusão de duas brasileiras, a Invest Tur Brasil e a Latin America Hotels (LAHotels), reúne no Brasil 31 hoteis, 18 deles apenas administrados pelo grupo e 13 de propriedade do grupo.
A marca Golden Tulip, utilizada no Hotel Odara, é uma franquia do Golden Tulip Hospitality Group, que tem mais de 50 anos de experiência na área e presença em mais de 40 países. A marca possui três modalidades de franquia de atendimento, sendo a Golden Tulip de médio luxo, a Tulip-inn (classe econômica) e, Royal Tulip, de luxo.
O Hotel Odara, que custou cerca de R$ 6 milhões na época em que foi construído (2002), é um dos principais hotéis da cidade e possui área construída total de 6,63 mil metros quadrados (m²), 104 apartamentos, duas salas de convenções, duas salas de reuniões, business center, restaurante, bar, academia de ginástica e estacionamento no subsolo.
Além disso, a aquisição engloba um terreno anexo com aproximadamente 640 m², que atualmente funciona como estacionamento externo, visando a uma futura expansão do empreendimento.
“Esta aquisição está de acordo com a estratégia da companhia em adquirir hoteis que possibilitem aumento na eficiência operacional e ganhos de escala e que sejam localizados em cidades com grande potencial de crescimento no turismo de negócios ou receptivo”, ressaltou uma fonte do grupo.
Ainda de acordo com a companhia, os hotéis do grupo são de três, quatro e cinco estrelas, “todos com padrão internacional de atendimento e completa infraestrutura para eventos, voltados, principalmente, para o público executivo”.
No ano passado, o BHG fez três importantes aquisições. A principal foi a do Complexo Golden Tulip Brasília Alvorada, descrito pelo grupo como “o mais importante empreendimento hoteleiro de Brasília”, formado por um hotel cinco estrelas (único do país a receber a marca Royal Tulip de alto luxo) e um flat, transformado em Golden Tulip.
Administração
Segundo o empresário Renato de Paiva Pereira, os 60 empregos gerados pelo Hotel Odara foram mantidos pelos novos empreendedores. “Todo o pessoal da área de serviço foi mantido, apenas as áreas de direção e gerência tiveram mudanças”, informou Pereira.
Ele revelou que a transação com o grupo BHG demorou cerca de um ano. “Só vendemos [o hotel] porque a proposta foi muito interessante”, disse, explicando que o valor da transação não pode ser revelado porque “faz parte de um acordo com os novos empreendedores”.
Pereira garantiu que não vendeu o hotel por motivos financeiros. “Pelo contrário, a empresa oferece retorno, é muito lucrativa e tem uma taxa de ocupação média de 80%, como poucos empreendimentos do setor”.
O empresário está investindo cerca de R$ 20 milhões na construção do Gran Odara, na Avenida Miguel Sutil, o primeiro hotel cinco estrelas de Mato Grosso. O projeto, que está em fase de acabamento, terá 12 andares, 142 apartamentos de luxo e previsão de gerar cerca de 120 empregos diretos, sendo um dos mais modernos do país na classe de turismo de negócio. A obra será concluída em agosto do próximo ano.
Fonte: Diário de Cuiabá

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...