mercados

>10 notícias para trabalhar bem com os mercados hoje

Posted on março 2, 2011. Filed under: mercados |

>

Uma seleção das notícias mais relevantes para ajudar estabelecer criterios e prioridades e lidar com segurança com o mundo da economia nesta quarta-feira, 02 de março.

 

1 – A indicação de 17 corretoras para as melhores ações em março. Neste mês as corretoras buscam ações de empresas menos prejudicadas com a inflação, o setor de commodities e as companhias cujos resultados do quarto trimestre de 2010 sejam promissores. A Vale permanece como a preferida, com 14 indicações, e a Petrobras vem em seguida, com 12.

 

2 – Suspender a compra de caças pode ajudar a baixar juro no Brasil. O plano da presidente Dilma Rousseff de diminuir os gastos públicos em R$ 50,1 bilhões está alimentando especulações de que a inflação vai se desacelerar o suficiente para permitir que o Banco Central mude de direção e comece a baixar o juro básico em até 12 meses.

 

3 – Mantega diz que Banco Central “pode tirar o pé do freio”. O Banco Central pode afrouxar suas políticas caso o governo gaste menos, disse o ministro da Fazenda, Guido Mantega. Nesta quarta-feira, o Comitê de Política Monetária do BC define o novo patamar da taxa básica de juros. “Se tirarmos o pé do acelerador, o BC pode tirar o pé do freio”, disse ele ontem, em entrevista à GloboNews. Segundo o ministro, o governo vai emprestar muito menos ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e a taxas maiores neste ano, em comparação com 2010. Mantega disse ainda que espera que o Brasil cresça entre 4,5% e 5% neste ano.

 

4 – Mercado prevê juro a 11,75% ao ano e quer mais. O mercado financeiro em peso acredita que o Banco Central (BC) elevará a taxa básica de juros (Selic) em 0,50 ponto porcentual, na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que termina hoje à noite. A maioria dos analistas, porém, avalia que o BC está errado. Para eles, a autoridade monetária deveria ser mais dura no combate à inflação.

 

5 – Votorantim obtém lucro líquido de R$ 4,9 bilhões em 2010. O Grupo Votorantim obteve no ano passado um lucro líquido de 4,9 bilhões de reais, divulgou na terça-feira (1) o conglomerado em nota. Com o balanço de 2009 ajustado à normativa de contabilidade internacional, o número deste ano foi inferior em 22,2%. O grupo indicou que o bom desempenho da companhia está relacionado à conjugação de aquisições e ao amadurecimento de investimentos que estavam em curso, aliados ao bom momento da economia brasileira e à recuperação dos preços das matérias-primas.

 

6 – Multiplus planeja reduzir capital social em R$ 600 milhões. A Multiplus vai propor a seus acionistas, no próximo dia 17 de março, a redução de seu capital social em 600 milhões de reais, para 92,4 milhões de reais. Segundo comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), por conta da redução de capital, a empresa pretente pagar 3,72 de reais por ação aos acionistas, como restituição de capital.

 

7 – ALL registra lucro líquido de R$ 239,9 milhões em 2010. A ALL America Latina Logística, maior operadora de ferrovias da América Latina, registrou lucro líquido de 239,9 milhões de reais em 2010, contra um ganho reapresentado de 34,7 milhões de reais em 2009, segundo um comunicado enviado hoje à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

 

8 – Gabrielli diz que deve continuar na Petrobras. O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, disse ontem, em Salvador, que “provavelmente” terá seu nome indicado para continuar à frente da companhia, na assembleia de acionistas agendada para o próximo mês de abril. Gabrielli respondia a perguntas sobre a implantação do Terminal de Regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) em Salvador quando surgiu o questionamento sobre sua permanência à frente da Petrobras.

 

9 – Oi já começou a comprar ações da Portugal Telecom, diz jornal. A Tele Norte Leste Participações, que opera sob a marca Oi, já começou a comprar ações da Portugal Telecom SGPS com o objetivo de formar uma participação de 10% no grupo português, informa o Diário Económico, citando Otavio Azevedo, executivo da Oi. O grupo brasileiro ainda detém menos de 2% da Portugal Telecom, segundo a reportagem.

 

10 – IPC-Fipe desacelera para 0,60% em fevereiro. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), apurado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), fechou o mês de fevereiro com alta de 0,60%, depois de ter subido 1,15% em janeiro. O indicador que mede a inflação da cidade de São Paulo ficou dentro das estimativas do AE Projeções, que iam de 0,45% a 0,63%, com mediana de 0,56%. O IPC desacelerou também em relação à terceira quadrissemana de fevereiro, quando ficou em 0,70%. Fonte: Exame
Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Bovespa segue tendência de mercados europeus e fecha em baixa; dólar sobe

Posted on maio 14, 2010. Filed under: Bolsa de Valores, Bovespa, dólar, mercados |

>

A Bolsa de Valores de São Paulo acompanhou o cenário externo e fechou em baixa de 2,12%, com 63.412 pontos.
As bolsas europeias caíram mais de 3%. O motivo foi o temor de que as medidas de austeridade adotadas por alguns países da zona do euro e pelo Reino Unido limitem o crescimento econômico da região.
As ações de bancos foram as que mais caíram. Já o dólar fechou em alta de 1,58%, a R$ 1,805.
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Bolsa do Japão fecha em baixa e europeias seguem tendência

Posted on novembro 27, 2009. Filed under: Bolsa do Japão, Bolsas, Dubai World, mercados |

>

Seguindo o mesmo movimento dos mercados da quinta-feira (26), o índice Nikkei da Bolsa de Valores de Tóquio fechou o pregão desta sexta-feira em baixa de 301,72 pontos (3,21%), aos 9.081,52 após a estatal Dubai World anunciar sua incapacidade para honrar obrigações financeiras ao pedir uma moratória da dívida.

As Bolsas europeias abriram em baixa nesta sexta-feira, mesmo após a tentativa da Dubai World de tranquilizar os mercados afirmando que seu pedido de moratória do pagamento da dívida da estatal de investimentos Dubai World é necessário para “encarar o fardo da dívida”.


O índice CAC-40 da Bolsa de Paris abriu o pregão de hoje em baixa de 1,79 %, aos 3.613,28 pontos. Já o índice FTSE MIB da Bolsa de Milão abriu o pregão em queda de 2,34 %, aos 21.410,09 pontos. A Bolsa de Frankfurt abriu hoje em baixa de 0,60 %, aos 5.580,52 pontos. FTSE-100, índice da Bolsa de Valores de Londres, abriu o pregão de hoje em queda de 81,2 pontos (1,56%), aos 5.112,9. O índice Ibex-35 da Bolsa de Madri abriu o pregão em baixa de 175,50 pontos (1,50%), aos 11.482.


As autoridades econômicas de Dubai afirmaram hoje que a decisão de pedir uma moratória na dívida do consórcio estatal Dubai World foi “cuidadosamente planificada” e reconhece que se tratou de uma “resolução empresarial delicada”.

Fonte: Folha Online

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...