Ministério do Planejamento autoria mais 1.550 vagas

>Ministério do Planejamento autoria mais 1.550 vagas

Posted on maio 15, 2008. Filed under: IBGE, INSS, Ministério do Planejamento autoria mais 1.550 vagas, Planejamento autoriza 600 vagas no INSS e 950 no IBGE |

>

Planejamento autoriza 600 vagas no INSS e 950 no IBGE

O ministro Paulo Bernardo autorizou a realização de concurso público para o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) e, também, a contratação temporária no âmbito do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), segundo informou nesta quinta-feira (15) o Ministério do Planejamento.

O novo concurso público do INSS prevê a oferta de 600 vagas, todas para o cargo de analista do Seguro Social, com o objetivo de recrutar assistentes sociais para trabalharem no serviço de concessão do Benefício de Prestação Continuada, informou o Planejamento.

Nessa área, os novos servidores deverão atuar na avaliação da deficiência e da incapacidade para fins de acesso ao auxílio governamental. A contratação de assistentes sociais no quantitativo anunciado dependerá de aprovação prévia do Ministério do Planejamento. O valor do salário inicial não foi divulgado.

O benefício de prestação continuada é uma contribuição no valor de 1 salário mínimo — garantido pela Constituição Federal de 1988, em seu artigo 203, inciso V — para a pessoa portadora de deficiência sem limite de idade e ao idoso com mais de 67 anos, que comprovem não ter condições econômicas de se manter e nem de ter sua subsistência mantida por sua família.

IBGE

Já para o IBGE, o ministro Paulo Bernardo determinou a realização de processo simplificado, estabelecendo que a seleção de candidatos deverá ocorrer por meio de prova escrita. A contratação temporária, de até 950 vagas, visa dar cobertura às atividades do Censo Demográfico. Para a incumbência de fazer o diagnóstico do perfil sócio-econômico e demográfico dos municípios brasileiros poderão ser contratadas 250 pessoas para analista Censitário e 700 para agente Censitário.

Segundo a portaria publicada nesta quinta, os profissionais deverão ser convocados já a partir de agosto deste ano, com as despesas correndo por conta do orçamento do IBGE. Assim como no caso do INSS, o salário para as vagas temporárias do IBGE não foi informado.

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...