Ministro Gilmar Mendes

>Ministro Gilmar Mendes, do STF, envergonha Mato Grosso

Posted on abril 23, 2009. Filed under: Ministro Gilmar Mendes, STF |

>

O mato-grossense Gilmar Mendes

“Vossa excelência, quando se dirige a mim, não está falando com os seus capangas do Mato Grosso, ministro Gilmar. O senhor respeite”. Essa foi uma das frases do ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa, em resposta dura ao colega, o mato-grossense Gilmar Mendes. Ambos voltaram a bater boca nesta quarta (22), durante durante a sessão plenária, faltando um dia para Mendes completar um ano à frente do Supremo. Ao avaliar uma das ações do dia, Mendes disse que Barbosa “julga por classe” e não tem condições de “dar lição de moral”.

Joaquim Barbosa ficou na bronca: “Vossa Excelência está destruindo a Justiça deste país e vem agora dar lição de moral em mim. Saia à rua ministro Gilmar”.
Mendes retrucou:
– Eu estou na rua!
Barbosa prosseguiu:
– Vossa Excelência não está na rua não. Vossa Excelência está na mídia, destruindo a credibilidade do Judiciário brasileiro. É isso. Vossa Excelência quando se dirige a mim não está falando com os seus capangas do Mato Grosso, ministro Gilmar. O senhor respeite.
Mendes, mato-grossense de Diamantino, responde:
– Vossa Excelência me respeite. Eu te respeito.

A sessão foi encerrada logo após a troca de farpas dos dois ministros. Joaquim Barbosa foi embora do STF após a confusão e a assessoria de Mendes ainda não se pronunciou sobre o assunto.

O bate-boca começou durante a análise de embargos (recursos) protocolados contra duas leis julgadas inconstitucionais pelo Supremo. Uma das ações, a que gerou a discussão, se referia a uma lei estadual de 1999 que criou o Sistema de Seguridade Funcional do Estado do Paraná. A legislação foi considerada inconstitucional pelo STF em agosto de 2006, mas o recurso questionava se a mesma seria invalida desde sua criação ou somente a partir da decisão.

Esta não foi a primeira vez que os ministros discutiram em plenário. Em setembro de 2007, os dois já tinham se desentendido. O bate-boca começou quando Mendes propôs votar novamente, com a presença de todos os 11 ministros que integram o STF, uma questão decidida em uma ocasião anterior, quando um dos ministros não estava. “Ministro Gilmar, me perdoe a palavra, mas isso é jeitinho. Nós temos que acabar com isso”, disse Barbosa na ocasião. Em resposta, Mendes disse que não iria responder à provocação. “Vossa Excelência não pode pensar que pode dar lição de moral aqui”, retrucou Mendes, em 2007.

Autor: RDNews
Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...