Novos horizontes

>Mato Grosso é um estado arrojado que está transformando num dos mais importantes dos país

Posted on outubro 22, 2009. Filed under: agronegócio, Banco do Brasil, Mato Grosso, Novos horizontes |

>

A região Centro-Oeste destaca-se por sua decisiva e contínua contribuição para o agronegócio brasileiro. Segundo dados do IBGE, estima-se para 2009 a produção de cerca de 50 milhões de toneladas de alimentos, com destaque para o Estado de Mato Grosso como maior produtor nacional, que se firma a cada dia como uma fronteira próspera e rentável, reflexo de investimentos em infraestrutura e oferta de crédito. É importante registrar aqui o papel desempenhado pelo Banco do Brasil em todo esse progresso.


Durante a crise mundial, enquanto a maioria dos bancos se retraía, o Banco do Brasil prosseguia, investindo e ofertando crédito. Em Mato Grosso, por exemplo, os investimentos do BB representam 61% do volume total disponibilizado pelo sistema financeiro no Estado, o que corresponde a R$ 7,8 bilhões. Nossa meta é ampliar esse volume em mais R$ 7,5 bilhões até 2011.


Ao contribuir para o crescimento e a sustentabilidade da região, o Banco do Brasil coloca em prática o Projeto Centro-Oeste, iniciativa que visa firmar parcerias de longo prazo com os governos estaduais, auxiliando-os na execução de seus Planejamentos Plurianuais. Pela importância que tem para o país, Mato Grosso é o primeiro Estado da região a participar do Projeto. A proposta é concentrar esforços naquelas áreas definidas como prioritárias pelo próprio governo em seu planejamento, com foco nos projetos voltados para o desenvolvimento sustentável. para alcançar os melhores resultados.


Entre as opções que o BB coloca à disposição do governo estadual está o DRS (Desenvolvimento Regional Sustentável), estratégia de negócios que estimula atividades produtivas vocacionais ou potenciais de cada região. Em Mato Grosso, já são mais de 23 mil famílias beneficiadas pela estratégia DRS, que atinge 102 municípios e possui R$ 117 milhões investidos. Os planos de negócios montados concentram-se nas cadeias produtivas de apicultura, bovinocultura de leite, horticultura e reciclagem.


Nos municípios de Campinápolis e de Santo Antônio do Leverger, por exemplo, busca-se estruturar cadeias de valor da bovinocultura leiteira e da criação de frangos caipira, respectivamente, junto com parceiros locais, além de promover a melhoria das condições sociais e ambientais. Com o Projeto Centro-Oeste, a concepção é ampliar o número de famílias beneficiadas e o volume de crédito emprestado.


Além das estratégias DRS, o BB também possui outros mecanismos que serão intensificados para fortalecer atividades produtivas consideradas prioritárias, tais como: crédito voltado para Arranjos Produtivos Locais, agricultura familiar e microcrédito. Essa proposta de crescimento sustentável reforça o papel desempenhado pelo BB há exatos 201 anos, ou seja, o de servir como instrumento de política de desenvolvimento social e econômico, em razão de sua capilaridade, capacidade de investimento e de oferta de crédito, vocação agrícola e liderança em comércio exterior.


Com a perspectiva de crescimento da economia brasileira em 2010, o BB reafirma seu compromisso de participar decisivamente do fomento à atividade produtiva regional, e garantir o crescimento sustentável. É por essa razão que o “Projeto Centro-Oeste” está aqui para implementar uma agenda de compromissos duradouros com o Estado, numa parceria ampla, que alinha as ações do Banco do Brasil com as prioridades definidas pelo Estado de Mato Grosso.

Alexandre Corrêa Abreu é vice-presidente de Varejo e Distribuição do Banco do Brasil – Fonte: A Gazeta


Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...