publicitário

>Presidência da República renova com agência de publicidade por R$ 150 milhões

Posted on março 5, 2010. Filed under: Lula, Matisse, Paulo de Tarso, presidência da república, Publicidade, publicitário, Secom |

>

<!– function paginaSlideShow226313(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

A Secretaria de Comunicação da Presidência da República renovou, por mais um ano, o contrato com a agência Matisse para a prestação de serviços de publicidade. A renovação contratual saiu pela bagatela de R$ 150 milhões. A presidente da Matisse, Dalva Fazzio, aproveitou para também anunciar que Paulo de Tarso, o publicitário responsável pelas campanhas de Lula em 1989 e 1994 e criador do jingle “Lula lá”, não é mais sócio da agência. Além da Secom, a Matisse também é dona da conta do Banco do Brasil.

 

 

Chile: ONU anuncia ajuda de US$ 10 mi

<!– function paginaSlideShow226328(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, anunciou nesta sexta (5) uma ajuda de US$ 10 milhões para a reconstrução das áreas devastadas pelo terremoto que atingiu o centro-sul do Chile na madrugada do último sábado. Segundo a agência Ansa, a informação foi dada após um encontro de uma hora mantido por Ban Ki-moon com a presidente Michelle Bachelet no Palácio de La Moneda, sede do governo chileno.

 

Defesa de Arruda deve pedir novo HC

A defesa do governador afastado do Distrito Federal, José Roberto Arruda, deve apresentar ao Supremo Tribunal Federal um novo pedido de habeas corpus. Ontem (4), por nove votos a um, o Supremo decidiu manter Arruda preso. O advogado Nélio Machado disse que o tribunal agiu de forma “emocional” e que as acusações contra seu cliente são uma “fantasia” e nasceram de uma “história delirante” elaboradas pelo Ministério Público Federal. O governador afastado está preso desde o dia 11 acusado de subornar uma testemunha do caso DEMsalão.

 

OCDE diz que Brasil perdeu força

<!– function paginaSlideShow226321(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

A Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico divulgou nesta sexta (5) dados que comprovam que a recuperação econômica do Brasil perdeu força em janeiro. O chamado indicador composto avançado, que marca os pontos de inflexão no andamento da conjuntura econômica, registrou no Brasil piora de 0,2% frente a dezembro, mas se manteve 14,2% acima do nível mostrado em janeiro de 2009.

 

STJ envia pedido à Câmara do DF para abrir processo contra Arruda

<!– function paginaSlideShow226324(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O Superior Tribunal de Justiça enviou à Câmara Legislativa do Distrito Federal um pedido para que os parlamentares abram processo contra o governador afastado, José Roberto Arruda, pela tentativa de subornar uma testemunha do caso do mensalão do DEM, em Brasília. O STJ é obrigado a fazer o pedido, já que, segundo a Lei Orgânica do DF, cabe ao Legislativo estadual pedir à Justiça que processe a autoridade envolvida em denúncia. O pedido não influencia o atual encarceramento de Arruda, preso preventivamente para não interferir no inquérito do STJ.

 

Lula licença de campanha é ‘descabida’

<!– function paginaSlideShow226318(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O presidente Lula disse nesta sexta (5) que não há hipótese de se licenciar do cargo para ajudar na campanha da ministra-candidata Dilma Rousseff. Segundo ele, seria uma “coisa descabida e irresponsável”. O jornal ‘O Globo’ disse nesta semana que Lula pretendia se afastar de suas funções entre os meses de agosto e setembro para não ter problemas com a Justiça Eleitoral. Lula classificou a reportagem como “mentirosa”.

 

Lula atacará FHC na campanha

<!– function paginaSlideShow226307(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O presidente Lula prometeu nesta sexta (5) que uma das estratégias da campanha da ministra-candidata Dilma Rousseff será comparar as realizações de seu governo com as do governo anterior, de Fernando Henrique Cardoso. Segundo ele, será uma “confrontação programática entre duas eras”. Segundo o presidente, aquilo que cada governo tiver feito melhor irá aparecer, uma vez que os números “não mentem”. E ainda avisou: “quem vier governar depois de mim não pode mais pensar pequeno”.

 

Virgílio elogia aprovação da ficha limpa

<!– function paginaSlideShow226306(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O líder do PSDB no Senado, Arthur Virgílio (AM), elogiou nesta sexta (5) a decisão do Tribunal Superior Eleitoral de disponibilizar na internet a relação de candidatos que respondem a processos na Justiça. Segundo ele, a medida abre oportunidade para o eleitor saber em quem está votando. O senador observou ainda que um candidato que responde a processos pode não ter sofrido condenação irrecorrível, mas o eleitor terá elementos para fazer seu próprio julgamento e votar em quem tenha ficha limpa.

 

DF: Arruda será notificado às 17h

<!– function paginaSlideShow226303(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O deputado distrital Batista das Cooperativas (PRP), líder do governo na Câmara Legislativa do DF, tem encontro marcado com o governador afastado José Roberto Arruda (ex-DEM) às 17h desta sexta-feira para notificá-lo sobre o processo de impeachment. A partir da notificação, Arruda terá 20 dias para apresentar sua defesa no caso do “mensalão do DEM”.

 

DF: Wilson exonera cinco do DEMsalão

Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr GOVERNADOR INTERINO DO DF, WILSON LIMA

<!– function paginaSlideShow226305(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O governador interino do Distrito Federal, Wilson Lima (PR), exonerou nesta sexta (5) cinco integrantes do governo acusados de envolvimento no suposto esquema de corrupção no DF, o DEMsalão. Foram exonerados os secretários José Geraldo Maciel (Casa Civil) e José Luiz Valente (Educação), além de Fábio Simão (chefe de gabinete de Arruda), Omézio Pontes (assessor de imprensa) e Gibrail Gebrim (chefe da unidade de administração da Secretaria de Educação). O ato foi publicado hoje pelo “Diário Oficial” do Distrito Federal.

Sponholz

PCdoB-SP lança Netinho ao Senado

<!– function paginaSlideShow226298(id, num) { var index = -1; for (var i = 1; i<10; i++) { try { if (document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display == "") { index = i; } document.getElementById("img_" +id+ "_" +i).style.display = 'none'; document.getElementById("link_" +id+ "_" +i).style.fontWeight = ''; } catch (e) {} } switch (num) { case "+": if ((index != -1) && (index 1) { //alert(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)); document.getElementById(“img_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +eval(index – 1)).style.fontWeight = ‘bold’; } else if (index != -1) { document.getElementById(“img_” +id+ “_” +index).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +index).style.fontWeight = ‘bold’; } break; default: document.getElementById(“img_” +id+ “_” +num).style.display = ”; document.getElementById(“link_” +id+ “_” +num).style.fontWeight = ‘bold’; } } //–>

O PCdoB decidiu lançar o apresentador de tevê e vereador Netinho de Paula ao Senado Federal. “Trata-se de uma decisão unânime e irreversível da direção do partido. Queremos que ele seja o candidato da frente em São Paulo. O bloco precisa se manter unido”, diz Nádia Campeão, presidente estadual do PCdoB. A decisão foi tomada em reunião no começo da semana. Fonte: claudiohumberto
Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Eleição 2010: Em reunião PP abre portas para união com PSDB, DEM e PTB

Posted on setembro 16, 2009. Filed under: candidato, DEM, Eleição 2010, marqueteiro, PP, PSDB, PTB, publicitário |

>

As cúpulas regionais do PSDB, DEM, PTB e do PP podem fechar nesta terça à noite, em reunião no apartamento do prefeito cuiabano Wilson Santos, o arco de alianças com as quatro legendas, visando as eleições gerais de 2010 e, inclusive, já com definição do nome do grupo para concorrer ao Palácio Paiaguás. Até então, os entendimentos estavam limitados aos tucanos, democratas e petebistas. Agora, o PP do presidente da Assembleia José Riva sinaliza para integrar ao bloco. Por outro lado, o pré-candidato situacionista à sucessão estadual, vice-governador Silval Barbosa, tende a atrair para acordo com o seu PMDB o PR do governador Blairo Maggi e ainda o PT.

Estão presentes à reunião Santos, que preside o PSDB estadual, os irmãos Júlio e Jayme Campos, principais vozes do DEM (ex-PFL), o ex-vice-governador Márcio Lacerda, hoje filiado à agremiação tucana, o vice-prefeito da Capital Chico Galindo e o senador Oswaldo Sobrinho (ambos PTB) e José Riva, cacique do PP. Eles colocaram em discussão quem seria o melhor candidato do bloco à sucessão do governador Maggi e tentam “amarrar” acordos, de modo a avançar num entendimento para as quatro agremiações marcharem juntas. O tucanato defende que o nome do grupo ao Paiaguás seja Wilson Santos. Petebistas reforçam a ideia, principalmente porque seria contemplados com o comando da prefeitura, que passaria a ficar sob Galindo a partir de abril do próximo ano, já que o prefeito teria de renunciar.

Democratas concordam que hoje o nome do grupo que melhor pontua nas pesquisas de intenção de voto é o de Wilson Santos, para consideram cedo bater o martelo de imediato. Riva disse que, em que pese o PP integrar hoje a base do governo Maggi, inclusive com o secretário de Ciência e Tecnologia Chico Daltro, particularmente se mostra mais simpático a uma composição com PSDB e DEM do que com o PMDB de Silval. O deputado se declarou disposto a encarar projeto ao Senado.

Um dos critérios para avançar na definição de nomes para chapas majoritárias é de realização de pesquisas quantitativas e qualitativas. O grupo defende que essas amostragens sejam feitas logo. Estuda-se também a contratação do publicitário Duda Mendonça, que foi o marqueteiro da campanha do presidente Lula, para conduzir os trabalhos. (Flávia Borges, Romilson Dourado e Patrícia Sanches)

Fonte: RDNews

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...