safra

>Mato Grosso é o maior produtor de grãos do Brasil com maior safra da história

Posted on novembro 11, 2010. Filed under: Mato Grosso, safra |

>

Mato Grosso deve produzir 31,198 milhões de toneladas de grãos na Safra 2010/2011. O volume é considerando o maior da história. A cada temporada o crescimento dessa produção pontua em torno de 15%, destaca o superintendente da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Ovídio Miranda. Os números foram divulgados pela entidade nesta quarta-feira (11) e representam uma alta máxima de 8,1% na comparação com a Safra 2009/2010, cuja produção alcançou 28,8 milhões/t. Com esse resultado, o Estado se mantém líder na produção de grãos do País com participação de 20% no total de 148,822 milhões/t estimados para a próxima safra brasileira. A segunda posição fica com o Paraná, que deverá produzir 29,9 milhões/t.

Colheita em grande escala da safra em Mato Grosso

Conforme a pesquisa, as lavouras de grãos de Mato Grosso somaram 9,4 milhões de hectares com produtividade média de 3,316 mil quilos por/ha colhido. O algodão é a cultura que deverá apresentar um incremento mais significativo entre os demais grãos, passando de 583 mil/t para 922 mil/t. Mesmo assim, ainda é a soja responsável por abocanhar 62% de representatividade na produção mato-grossense. O aumento previsto para a oleaginosa será de 4,3%, de 18,7 milhões/t para 19,5 milhões/t.

Lavouras de soja, algodão e milho em Mato Grosso

O diretor da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Rogério Romanini, explica que tanto a soja, quanto o algodão estão com preços atrativos para o mercado, o que acaba atraindo mais produtores para manter o plantio desses grãos. No entanto, para a entidade, o milho poderá sofrer queda de produção incentivada pela redução de área -diferente do que é proposto no levantamento da Conab que aponta alta de 12,7% na produção do milho (passando de 8,1 milhões/t para 9,1 milhões/t).

Cenário negativo também é observado na produção do arroz. A Conab pontua que esse grão sofrerá diminuição de 14,7% em sua produção que deve atingir 633 mil/t nesta safra, ante a 742 mil/t registrada na safra anterior. O presidente do Sindicato das Indústrias do Arroz de Mato Grosso (Sindarroz-MT), Joel Gonçalves, explica que a atratividade no preço da soja é o principal responsável por essa condição. Além disso, explica que o atraso no início da safra também motivou esse prejuízo.
Fonte: A Gazeta
Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Safra de grãos no ano será a maior da série histórica da produção nacional

Posted on agosto 6, 2010. Filed under: agricultura, grãos, IBGE, levantamento sistemático da produção agrícola, lpsa, safra |

>

Grãos Milho e a soja registram acréscimos de 4,4% e 19,8%, respectivamente, e o arroz, retração de 10,3% (Hemera Technologies)

Levantamento de julho estima produção 9,2% maior que a de 2009 informa IBGE

A safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas deve somar 146,4 milhões de toneladas em 2010, passando a ser a maior da série histórica da produção nacional. Este volume é 9,2% maior que o obtido em 2009 (134,0 milhões de toneladas) e 0,3% maior que a estimativa de junho (145,9 milhões de toneladas), de acordo com a sétima estimativa do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), divulgado nesta quinta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A área a ser colhida em 2010, de 46,8 milhões de hectares, apresenta decréscimo de 0,9% frente a 2009. As áreas das três principais culturas, soja, milho e arroz, que respondem por 83,1% da área plantada, apresentam variações 7,2%, -6,5% e -5,9%, respectivamente, em relação ao ano anterior. Quanto à produção destes produtos (90,9% do total produzido), o milho e a soja registram acréscimos de 4,4% e 19,8%, respectivamente, e o arroz retração de 10,3%.
 

A estimativa é de que o volume da produção de cereais, leguminosas e oleaginosas tenha a seguinte distribuição regional: região Sul, 63,1 milhões de toneladas; Centro-Oeste, 50,9 milhões de toneladas; Sudeste, 16,5 milhões de toneladas; Nordeste, 12,0 milhões de toneladas; e Norte, 3,9 milhões de toneladas. 
 
Comparativamente à safra passada, houve decréscimo apenas na região Sudeste (4,0%), enquanto as demais mostram incrementos: Norte, 1,7%; Nordeste, 2,3%; Sul, 20,3%; e Centro-Oeste, 4,3%.

Produção estimada para 2010 para sete produtos:

Algodão herbáceo – 3 milhões de toneladas
Café – 2.753.091 toneladas
Feijão – 3.373.673 toneladas
Milho – 53,5 milhões de toneladas
Soja – 68,3 milhões de toneladas
Sorgo – 1.539.298 toneladas
Trigo – 5,3 milhões de toneladas


Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Banco do Brasil tem 1 bilhão de Reais para financiar produtor de MT, porém 80% dos pedidos são indeferidos

Posted on janeiro 29, 2010. Filed under: agrário, agrícola, agronegócio, Banco do Brasil, CCIR, financiamento, INCRA, Mato Grosso, safra |

>

Famato
Na pauta da reunião com o gerente do BB o financiamento da safra

O gerente de Agronegócio do Banco do Brasil em Mato Grosso, José Rui de Medeiros confirmou que a instituição está com o montante de um bilhão de reais pronto para ser liberado para o financiamento da safra agrícola no Estado, no entanto 80% dos produtores que apresentaram propostas junto ao banco tiveram seus pedidos indeferidos por conta do Certificado de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR).

Ao procurar a agencia bancaria em busca do financiamento, o produtor constata que sua propriedade está classificada como improdutiva, ou seja, não está atendo as normas dos índices de produtividade exigidos pelo Incra que são 80% do Grau de Utilização da Terra) GUT) e 100% do Grau de Eficiência de Utilização (GEU).

Para resolver é preciso que o produtor atualize seu cadastro junto ao Instituto de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), no entanto ao fazer isso ele se depara outro problema. Pra a fazer a atualização de áreas acima de 500 hectares é preciso apresentar o planta e memorial descritiva georeferenciada, ou seja, terá que fazer o georeferenciamento da propriedade, processo que demando tempo e custo.

Preocupada com a situação, a Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), reuniu-se ontem (28) com o gerente de negócio do Banco do Brasil José Rui de Medeiros e com o superintendente do Incra no estado, Willian Cesar Sampaio, em busca de uma solução para o problema.

“Este é mais um entrave jurídico que prejudica o produtor e compromete o setor e a economia do Estado. Precisamos encontrar, com urgência, uma forma de para resolver a questão e permitir que o produtor acesse recursos que estão disponíveis no Banco do Brasil” disse o diretor secretário de Federação Valdir Correa.

No entanto, Sampaio deixou claro que a superintendência estadual segue a legislação nacional e que o problema terá que discutido com o Ministério do Desenvolvimento Agrário e Incra.

O assunto voltará a ser discutido na próxima semana em audiência com o Ministro do Desenvolvimento Agrário, da qual deverão participar o presidente da Famato, Rui Prado e o governador do estado Blairo Maggi. Fonte: Diário de Cuiabá

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...