Várzea Grande

>Novos horizontes econômico e político em Várzea Grande

Posted on março 29, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

Historicamente, Cuiabá não ligava muito para as andanças políticas e administrativas de Várzea Grande. Deixava o barco correr como se fosse outra cidade do interior do estado.
A capital olhava para o outro lado da ponte com algum desdém que, parece, permanece ainda hoje em certos círculos daqui. Mas agora os fatos são tantos que Cuiabá começa a comentar sobre o vizinho do outro lado da ponte.
Várzea Grande tem, depois de Cuiabá, a maior arrecadação do estado e fala-se em déficit de dois milhões de reais por mês. Não sei se o número é exagerado, mas fala-se também que pode chegar a dois mil funcionários entre aposentados por benefícios políticos e um batalhão de gente admitida sem necessidade.
Fiquei sozinho numa aposta contra a opinião de um bocado de gente. Defendi que Várzea Grande vai sofrer um boom imobiliário que pode alavancar sua economia e dar uma nova cara à cidade. A maioria das pessoas não acredita nisso.
Falam que quem tem dinheiro em Várzea Grande vem morar em Cuiabá. Que as elites dali casam os filhos em festas aqui e não lá. Que não se vê empresas de construção civil com interesse em Várzea Grande. Ponderou um: você acha que um pai do interior que vai alugar ou comprar um apartamento para uma filha fazer faculdade iria comprar ou alugar em Várzea Grande ou Cuiabá?
Defendo que o outro lado da ponte poderia ser alternativa imobiliária num futuro próximo se ocorrerem alguns fatos. O PAC resolver o problema de água da cidade, mais o novo aeroporto e estádio de futebol, a ampliação da Avenida da FEB e a possibilidade de se ter uma nova ponte sobre o rio Cuiabá. E ainda porque o estoque de áreas urbanas em Cuiabá está se esgotando.
Outro rebateu dizendo que pode ter tudo isso, mas enquanto não mudar a maneira quase secular de se fazer política ali ninguém de peso iria investir em Várzea Grande. Perguntou qual foi a grande empresa que foi para a cidade nos últimos anos?
Os fatos mostram que em Várzea Grande se entronizava como bom político aquele que dava rabo de arraia, tanto no adversário como no investidor que não jogar o jogo. Quantos nomes dali são até hoje reverenciados não porque foram bons administradores, mas porque prostrava seu adversário com algum tipo de jogada. Virava lenda na boca do povo. Até as falas engraçadas de alguns eram vistas como armas positivas do jogo eleitoral.
Mas há algo de diferente no ar. Uma jogada na ultima eleição deu o inverso, talvez pela primeira vez. E o povo gostou. Dá para especular que a população dali não vai dar guarida para o estilo de se fazer política de antes. E aí, talvez, empresas e negócios diferentes resolvam aportar ali. Eu ganharia a aposta.

Por Alfredo da Mota Menezes. E-mail: pox@terra.com.br. Site: http://www.alfredomenezes.com

Anúncios
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Quem manda em Várzea Grande?

Posted on março 5, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

Me sacuda…me balança…me belisca…estou sonhando ou a Câmara de vereadores de Várzea Grande, depois de décadas letargia acordou de um rompante e um dos membros gritou: temos que fazer alguma coisa…!!!!
E o que foi que fizeram, de uma dia para o outro, sem discutir com a população, reprovaram as contas do ano de 2009 da Pretura, que segundo informam estava recheada de irregularidades, e logo em seguida afastaram o prefeito Murilo Domingos e o vice Tião da Zaeli por 180 dias. E ainda mais, instalaram uma CPI para investigar as tais contas e a administração do agora afastado, Murilo.
O interessante nisso tudo foram as ações de bastidores, reunião tranqüila de Murilo com todo secretariado em seu apartamento, mais tarde Murilo vai ao prédio da Câmara e reúne com certa tranqüilidade com os vereadores, por incrível que pareça atende a imprensa transparecendo muita tranqüilidade.
Não se nota nenhuma manifestação dos vereadores, ninguém acusa, ninguém defende, parece que há um ambiente preparado para um espetáculo muito bem ensaiado.
O que é o enrredo dessa história?
É possível que tudo o que foi feito foi planejado com antecedência por cada um dos personagens.
De posse do grande número de irregularidades apontadas pelo TCE, ficaria difícil a Câmara não tomar uma atitude radical, chegando mesmo a cassar o mandato do prefeito Murilo, abrindo espaço para o vice Tião da Zaeli assumir de vez o comando do município, executar seu projeto de reforma, que contraria muitos interesses, de servidores fantasmas a empresas do compadrio que faturam muito acima do que valem os serviços prestados, se é que os prestam.
A brilhante idéia do afastamento de ambos pode ter vindo como um golpe de misericórdia, tira Zaeli da jogada, e nesses seis meses da-se um jeito de inocentá-los ou caça o mandato de ambos. Os grupos políticos fortes de Várzea Grande não suportam nem pensar Tião no comando da prefeitura por 4 anos, a prova disso foi convencer Murilo quebrar o acordo de licenciar na metade do mandato, para que o vice de idéias e ações novas e arrojadas assumisse definitivamente.
A campanha para 2012 já está em pleno andamento, e é bom tirar do caminho as pedras que podem causar algum acidente de percursos, Zaeli provavelmente seja a maior delas, uma vez que ele tem acertado com o governo do estado mais de 100 milhões de reais para recapear 30% das ruas e avenidas da cidade, além de uma grande operação tapa buracos.
Por incrível que pareça, tudo que aconteceu em Várzea Grande nesta semana pode não passar desse plano ousado, que mal ou bem viajamos nele, de gente que não quer a transformação da cidade em verdadeiramente industrial, moderna e agradável para viver, mais não suportam perder o poder e todas as beneses que ele lhes proporciona.
É claro que ninguém vai admitir isso, a maioria não acredita, mais no fundo, quem entende a política em Várzea Grande?

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Tião da Zaeli abre o jogo e diz que foi impedido de executar mudanças estruturais em VG

Posted on março 4, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

Após ter sido afastado de suas funções pela Câmara Municipal junto com o prefeito Murilo Domingos (PR), o vice-prefeito de Várzea Grande, Tião da Zaeli (PR), disse ter se arrependido de aceitar o covite feito pelo então governador e hoje senador Blairo Maggi (PR), para compor a chapa que disputou a prefeitura em 2008. “Até meu filho está com vergonha de ir para a escola”, afirmou.
Tião aproveitou a solenidade em que tranferiu o cargo ao novo chefe do Executivo, João Madureira (PSC), para fazer uma série de denúncias sobre a administração de seu colega de partido e revelar as medidas que tentou, sem sucesso, executar, durante os períodos em que assumiu o Paço Couto Magalhães, enquanto Murilo esteve licenciado por problemas de saúde.
O vice afastado lembrou ainda a quebra do suposto acordo que teria firmado com Murilo no início de seu mandato. A proposta era que, em 2010, o prefeito se licenciaria para disputar o cargo de deputado federal, deixando os dois últimos anos da administração sob o comando de Tião. “Eu poderia ter sido prefeito, mas não cumpriram o combinado porque sabiam que eu ia rezar a minha cartilha e não beneficiaria ninguém”, ressaltou.
As críticas de Tião não se limitaram a Murilo e foram estendidas ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), que reprovou as contas da prefeitura referentes ao exercício de 2009. O republicano afirmou que o julgamento foi injusto e que o dinheiro, que o Pleno determinou que deveria ser devolvido, correspondia a todo o investimento que seria destinado à educação de crianças com necessidades especiais e aos encargos sociais. “Para o TCE, essas crinaças não merecem investimento”, reclamou Tião.
Entre as irregularidades apontadas pelo TCE no balancete da prefeitura estava o investimento de apenas 57,87% da verba municipal na educação, deixando de cumprir o limite mínimo estabelecido de 60%. Tião se defendeu afirmando que se o dinheiro tivesse sido aplicado, ao invés de devolvido aos cofres públicos, a prefeitura teria destinado ao menos 63% de sua receita ao setor. Fonte: RDNews
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Votação da Câmara de Várzea Grande é golpe para tirar Tião da Zaeli do páreo

Posted on março 3, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

Por José Marcondes – Muvuca

Estratégia nada inteligente

Há quem defenda a teses de que o afastamento de Murilo Domingos da prefeitura juntamente com seu vice, Tião da Zaeli, não passa de um golpe para tirar o segundo da jogada e calar os críticos.

Há sentido na coisa. O fato do novo prefeito, Madureira, dizer que vai cortar 90% dos DA’s dá indício neste sentido. Além do que, Murilo se reuniu com vereadores à portas fechadas e sem a presença de seu vice, horas antes da cassação, e até seu próprio líder na Câmara, o vereador Charles Caetano votou pela sua cassação. Coisa estranha, estranhíssima! Porém, fica a questão:

A estratégia seria muito desproporcional à solução, sendo que há outros meios menos traumáticos para se livrar de Tião.

Além do mais, a coluna conversou na semana passada com 3 vereadores de Várzea Grande, eles estavam realmente com sede de Murilo. Ou seja, a cassação estava sendo desenha há dias, tanto que nem esperaram o parecer sobre as contas de 2010 da prefeitura que seria emitido pelo TCE, utilizaram o balanço de 2009.


A propósito: A coluna já havia antecipado este acontecimento (cassação) com pelo menos uma semana de antecedência. Abordamos o assunto, inclusive, no programa Chamada Geral, do Lino Rossi, na Mega FM.

 

Fatos estranhos

Episódios estranhos envolvendo a cassação do prefeito de Várzea Grande, Murilo Domingos:

1) Unanimidade de votos: Todos os vereadores, incluindo os do seu partido e até seu líder na Câmara votaram pela cassação.

Precedente histórico: Na ocasião da cassação de Fernando Collor, há 16 anos atrás, ele obteve 441 votos pela cassação e 38 contra, 23 ausências e uma abstenção. Ou seja, mesmo com o país em ebulição e pressão popular, Collor ainda teve quem o apoiasse.
2) Reunião a portas fechadas: Murilo se reuniu à portas fechadas com os vereadores, sem a presença de seu vice, Tião da Zaeli, horas antes da cassação.
Observação: Com que clima e que argumentos o carrasco, executor ou verdugo encarregado de eliminar a vítima, iria se reunir com a mesma? A figura do carrasco encapuzado pode ser comparada com a reunião de portas fechadas, mas a execução combinada, tipo, sem resistência por parte da vítima?
3) Ausênia de seu vice nas articulações: O vice Tião da Zaeli seria o beneficiado imediato com a cassação de Murilo, já que por ordem hierárquica, assumiria a vaga. O parecer da Câmara, no entanto, foi pela cassação do prefeito e seu vice, que não participou das reuniões realizadas com o titular, o que dá margem para outras especulações.
Precedente histórico: Quando Tancredo faleceu, seu vice, José Sarney, assumiu. Quando Collor foi cassado, seu vice, Itamar Franco, assumiu.


4) Balanço antigo: A Câmara usou um balanço do TCE referente as contas de 2009 e não de 2010.

5) Declaração estranha: A fala do novo prefeito, João Madureira, é sintomática: “Está tudo certo, volto depois do carnaval”.

Observação: Até depois do carnaval Murilo ganha tempo para invalidar judicialmente a cassação.(continua posteriormente…) Fonte: Megadebate

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Crise em Várzea Grande: Vereador que assumirá como prefeito foi acusado de improbidade

Posted on março 3, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

O vereador João Madureira (PSC), presidente da Câmara Municipal de Várzea Grande, vai assumir, interinamente, a Prefeitura da Cidade Industrial, com o afastamento do prefeito Murilo Domingos (PR) e do vice-prefeito Tião da Zaeli (PR). Por, pelo menos, 180 dias, Madureira vai gerir os destinos da segunda cidade de Mato Grosso, sem ter nenhuma experiência administrativa. Ele assumiu o Legislativo recentemente.
Em 2008, o Tribunal de Justiça de Mato Grossoe suspendeu, por três anos, os direitos políticos de Madureira. Motivo: ele contratou, para assumir cargo comissionado em seu gabinete, na Câmara Municipal, um reeducando que estava cumprindo pena em regime fechado. Para a Justiça, o agora prefeito de VG simplesmente praticou o crime de improbidade administrativa. O vereador é egresso dos quadros da Polícia Civil de Mato Grosso. Fonte: Mídia News
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Vereadores de Várzea Grande afastam Murilo e Tião por 6 meses

Posted on março 3, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

A Câmara  de vereadores de Várzea Grande aprovou, na noite desta quarta-feira, 02 de março, por unanimidade, requerimento que afasta o prefeito Murilo Domingos (PR) e seu vice, Tião da Zaeli (PR), da prefeitura do município, por um período de até 180 dias.
Prefeito Murilo Domingos e o vice Tião da Zaeli
Os dois serão afastados tão logo o requerimento 003/2011 seja publicado no Diário Oficial do Estado, fato que deve ocorrer na próxima sexta-feira. Em seguida, eles devem ser notificados e, automaticamente, estarão fora do Executivo. Como Murillo está em licença médica, se apenas Tião for notificado o decreto já passará a valer.
O atual presidente da Câmara, vereador João Madureira (PMDB), assumirá o comando do município por um período de até 180 dias, ou até quando durar os trabalhos da Comissão Processante instalada para investigar denúncias de improbidade administrativa nas duas gestões de Murilo Domingos.
O pedido de afastamento foi feito pelo vereador Hilton Gusmão (PV). O vereador Maninho de Barros (DEM) vai comandar o Legislativo Municipal.
Antes, a Câmara reprovara, também por unanimidade, as contas do Exercício de 2009 do prefeito Murilo Domingos.
Os 13 vereadores – oito da oposição e cinco da situação – respaldaram, na prática, parecer do Tribunal de Contas do Estado, que, em novembro do ano passado, havia reprovado as contas do republicano, após detectar, pelo menos, 70 irregularidades.
Na época, o TCE determinou aplicação de multa no valor de R$ 9.900,00 e ressarcimento ao Erário em R$ 3,5 milhões. Com a decisão do Legislativo em reprovar as contas, Murilo Domingos terá que devolver o dinheiro aos cofres públicos.
Entre as irregularidares, estão o não pagamento de faturas de energia elétrica, não pagamento do fornecimento de medicamentos, irregularidades no pagamento de pensões e má aplicação dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Fonte: Midia News
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Vereadores de Várzea Grande ameçam instalar CPI e suspender Murilo por 90 dias

Posted on março 1, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

Segundo o site VG Notícias, em reunião a portas fechadas desde as 8h desta terça-feira (01.03), os vereadores de Várzea Grande decidiram, por maioria dos votos, instaurar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as denúncias contra o prefeito Murilo Domingos (PR). Ainda durante a reunião, ficou decidido que será determinado o afastamento do alcaide do cargo, por 90 dias.
Câmara Municipal de Várzea Grande
Segundo fontes do VG Notícias, muitos vereadores foram contra, mas a maioria acabou vencendo. A votação oficial da instauração da CPI e do pedido de afastamento será realizada na sessão plenária da próxima quarta-feira (02.03), com início às 18 horas.
Dentre as denúncias que afloraram as discussões na Câmara de Vereadores, motivando a instauração da CPI, está a não desincompatibilização do prefeito da administração da empresa Casa Domingos – indo de encontro a Constituição Municipal.
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Silval Barbosa anuncia construção de Centro de Treinamento e Rodoviária em Várzea Grande

Posted on janeiro 10, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

Lenine Martins/Secom-MT
Governador Silval Barbosa com diretores da Agecopa visita local do futuro Centro de Treinamento para a Copa 2014, em Várzea Grande

O governador Silval Barbosa visitou nesta segunda-feira (10.01) a área na qual será construído o Centro Oficial de Treinamento da Copa FIFA 2014 (COT), em Várzea Grande. A área de 10 hectares, recebida em doação, já aprovada pela Assembleia Legislativa de Mato Grosso também vai receber – conforme anunciou o governador Silval Barbosa – investimentos para construção do Centro de Eventos de Várzea Grande.

“É uma solenidade para dar publicidade das doações, tanto da área como também do projeto que está sendo feito pela Ginco”, disse o diretor de Infraestrutura da Agecopa, Carlos Brito. A área onde será construído o COT de Várzea Grande fica na região da Passagem da Conceição e vai receber uma série de investimentos da empresa Ginco, que vai construir nos próximos anos diversos condomínios no em torno do COT, num total de 10 mil unidades habitacionais. Carlos Brito explicou que o COT, na verdade será o futuro estádio de futebol de Várzea Grande. O centro de treinamento terá uma capacidade de 6 mil pessoas – conforme as exigências da Fifa – e com projeto de ampliação para 10 mil lugares.
O governador Silval Barbosa agradeceu aos proprietários pela doação da área, assim a empresa responsável pelo projeto executivo e também ao senador Jaime Campos, que numa discussão com a bancada federal, se prontificou a colocar a sua emenda parlamentar para construção do COT. Aprovada a emenda o governo do Estado – destacou Silval Barbosa – vai começar, já na primeira reunião com a presidenta Dilma Rousseff, a trabalhar na liberação dos recursos. O COT vai exigir um investimento em torno de R$ 28 milhões. “Vamos pedir a presidente Dilma, como prioridade, a liberação dessa emenda”. Contudo, o governador lembra que já tem recursos previstos dentro governo do Estado para a Copa, independente da emenda do senador Jaime Campos. 
Com a liberação do recursos da emenda, a Agecopa vai poder investir no terceiro Centro de Treinamento que será no Dutrinha.
O governador anunciou que, para garantir a manutenção e gestão do COT de Várzea Grande – já como Estádio – pós Copa do Mundo, atendendo a uma solicitação do prefeito Murilo Domingos, vai destacar parte do recursos do ProdTur para construção do Centro de Convenções, em área a ser viabilizada pela prefeitura de Várzea Grande. O governador lembrou que no local onde ficava a antiga Feigovag será construída a nova rodoviária da cidade. “Várzea Grande vai estar inserida – como sempre tenho falado – dentro desse processo de desenvolvimento da Copa 2014. Não faz sentido a Copa em Cuiabá e só termos a melhoria do Aeroporto Marechal Rondon”. Silval Barbosa anunciou a licitação da duplicação da rodovia Mário Andreazza, da Ponte Nova até o Trevo do Lagarto, e também a duplicação da Estrada da Guarita, entre a Mário Andreazza até a Av. Filinto Muller, e agora vai ter que viabilizar recursos até a Passagem da Conceição.
AGECOPA
Antes da visita ao local de construção do Centro Oficial de Treinamento Copa 2014 (COT), o governador Silval Barbosa esteve reunido com a diretora da Agecopa, em sua nova sede bairro Goiabeiras – e anunciou que a partir desta segunda-feira, vai destacar todas as segundas-feiras para despachar exclusivamente assuntos da Agecopa, no sentido de agilizar e não deixar matérias pendentes. “Vou estar na sede da agência e visitando os locais das obras, bem como para acelerar os processos de desapropriações necessárias. Por causa disso tem que ter uma dedicação exclusiva”.
Silval Barbosa voltou a afirma que as obras da Copa 2014 em Cuiabá e Várzea Grande estão dentro do prazo previsto, principalmente as obras de desbloqueio das avenidas principais, nas quais serão realizadas as obras estruturantes, que serão lançadas este ano e cuja conclusão, no máximo, será em 2012. Quanto à reunião com a presidenta Dilma Rousseff, o governador disse que vai agendar assim que for aberto o Orçamento da União, que por enquanto está em fase de contingenciamento.
Na reunião desta segunda-feira na sede da Agecopa foram tratadas também questão de segurança, como o aumento de efetivo e estruturação do Corpo de Bombeiros e a implantação da Cavalaria Montada; a construção de nova sede para o 10º Batalhão da Polícia Militar a montagem do Centro de Inteligência. Silval Barbosa voltou a enfatizar que todas as secretarias de Estados estão trabalhando de forma integrada na realização da Copa do Mundo 2014. Fonte: Secom
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Operário de Várzea Grande inicia a pré-temporada

Posted on janeiro 10, 2011. Filed under: Operário, Várzea Grande |

>Por Luiz Esmael

Definitivamente o Operário de Várzea Grande começa hoje de manhã a sua pré-temporada de olho no Campeonato Estadual deste ano. Último clube a iniciar os trabalhos de preparação, o Tricolor várzea-grandense, que ano passado ficou com o vice-campeonato do Mato-grossense e da Copa Mato Grosso, tem estreia marcada para o dia 29, num sábado à noite, diante do Sorriso, no estádio Egídio Preima.
Várzea Grande, Mato Grosso
O primeiro dia de trabalho será realizada em território “inimigo”. A comissão técnica sob comando do preparador Júlio César Fumanchu marcou caminhada matinal no Parque Mãe Bonifácia, localizada em Cuiabá, cidade do arquirival Mixto.
Com nova diretoria após ida do técnico e sócio Éder Taques para o futebol paulista, o clube tricolor aguarda para hoje à tarde a apresentação do técnico Fábio Cunha, que trabalhou no time do Red Bull, da Segunda Divisão de São Paulo. É Cunha quem fará a indicação e aprovação dos jogadores a serem contratados de outros estados.
Uma fonte ligada a diretoria afirmou que a nova filosofia do Operário, hoje sob comando do empresário Daniel Terroso, é investir em jovens atletas do futebol brasileiro. Ontem, integrantes e colaboradores do clube almoçaram com o ex-jogador Beto Cuiabano, contatado para ser o novo gerente de futebol.
No encontro, tendo como cardápio principal peixe, os operarianos reafirmaram a parceria com o Figueirense, clube que ano passado conseguiu voltar a Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro. De Santa Catarina, é possível vir de cinco a seis jogadores.
O grupo, que começa a trabalhar hoje de manhã, conta com 14 atletas, todos pratas da casa.
Fonte: A Gazeta
Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

>Médicos de Várzea Grande discutem fim da greve hoje

Posted on janeiro 4, 2011. Filed under: Várzea Grande |

>

A greve dos médicos de Várzea Grande, que já dura 26 dias, está prestes a terminar. Às 19h de hoje, no Pronto-Socorro (PS), a categoria discute em assembleia geral a segunda proposta encaminhada pela Prefeitura, que contempla os pagamentos em atraso do reajuste salarial de R$ 300 dado em 2009.

A reivindicação da categoria pelo pagamento do benefício de verba indenizatória (VI) também está prevista na proposta e a única dúvida é se os 500 médicos aceitarão o calendário de pagamentos definido pela administração pública para voltar ao trabalho.

Ler Post Completo | Make a Comment ( None so far )

« Entradas Anteriores

Liked it here?
Why not try sites on the blogroll...